Marketing e Vendas

Redes sociais para eventos: 7 dicas para usá-las a seu favor

Escrito por: DoityTeam

Mais de 4 bilhões de pessoas utilizam as redes sociais no mundo (mais da metade da população mundial), sendo o Brasil o terceiro país em que os usuários permanecem por mais tempo online (em média, 9h14min por dia). Trazendo esses dados para o cenário de eventos, não há dúvidas de que as pessoas pesquisam, nas redes sociais para eventos, informações sobre as empresas organizadoras para avaliá-las, certo?

Assim, otimizar o seu evento utilizando essas ferramentas são excelentes estratégias para divulgá-lo, aumentar o engajamento dos participantes e, o mais importante, vender mais inscrições.
Neste artigo, vamos falar sobre todos os benefícios das redes sociais para eventos e ainda dar 7 dicas de como você pode usá-las a seu favor. Vamos lá?

Entenda os benefícios de utilizar as redes sociais para eventos

Você precisa repassar sempre a imagem de inovação e criatividade. Isso só é possível tendo um bom plano de divulgação — e as redes sociais são ótimas aliadas nesse processo.

Atualmente, dificilmente encontramos uma pessoa que não tenha uma conta nas principais redes sociais. Assim, as marcas as utilizam tanto para atrair novos consumidores quanto para fidelizar os antigos. No cenário dos eventos, isso não é diferente. Confira alguns benefícios:

  • vender mais inscrições;
  • servir como um canal de comunicação entre o evento e o participante;
  • alcançar mais pessoas;
  • interagir com o público;
  • divulgar todas as informações pertinentes;
  • promover sorteios;
  • estimular jogos e brincadeiras relacionados com a temática do evento;
  • promover o compartilhamento das informações;
  • atrair mais pessoas para o evento.

Saiba em quais delas você deve apostar

Você não pode divulgar o seu evento de qualquer maneira, já que, assim, você não venderá mais inscrições. Ao mesmo tempo, participar das redes sociais para eventos não significa que você precisa abrir uma conta nelas e postar o flyer promocional.

É preciso ter um calendário editorial que contenha publicações e informações de interesse da sua persona — ou seja, as redes sociais precisam ser utilizadas de modo estratégico e profissional para converter em vendas.

Isso não significa que o seu evento precisa estar presente em todas as mídias. O primeiro passo é conferir quais são as que o seu público-alvo está inserido e avaliar o seu comportamento. Somente assim você cria postagens de engajamento e que certamente eles vão curtir, compartilhar e comentar. Veja, a seguir, em quais delas você deve apostar!

Facebook

O Facebook é a mais utilizada pelos brasileiros. A grande vantagem é que você pode criar um evento na sua página e convidar os seus amigos, fazendo com que eles confirmem presença e aumente o seu alcance orgânico. Você também pode disponibilizar um link que leva diretamente o usuário para comprar os ingressos.

Twitter

É possível divulgar o seu evento com criatividade e objetividade. Isso porque, apesar de a plataforma permitir apenas 240 caracteres, tem a vantagem de ter uma boa interação com os usuários.

LinkedIn

Muito utilizado para dar destaque aos eventos corporativos, já que a rede social promove relacionamentos e oportunidades profissionais. Por isso, é importante divulgar o seu evento somente se for da área empresarial e acadêmica.

Instagram

No Instagram, você pode utilizar maneiras para engajar o público do pré ao pós-evento. Ele possibilita recursos como transmissões ao vivo, filtros, emojis, textos e hashtags.

Confira 7 dicas de como usá-las a seu favor

Agora que você aprendeu um pouco sobre as principais redes sociais, vamos conferir 7 dicas de como utilizá-las?

1. Faça um planejamento do conteúdo

Antes de tudo, faça um cronograma do conteúdo a ser postado nas mídias sociais, lembrando-se de passar todas as informações sobre o evento. Além disso, invista no marketing de conteúdo para atrair e fidelizar as pessoas com a sua marca, entregando materiais de qualidade e de interesse da sua persona.

Crie posts falando de cada atração e, mais do que isso, mantenha o seu público informado sobre tudo o que acontece no pré-evento (montagem, patrocinadores confirmados, atrações), evento (faça vídeos ao vivo, poste fotos dos participantes, faça stories com os patrocinadores) e pós-evento (com depoimentos, fotos, relatos e feedback geral).

2. Crie hashtags

A hashtag (#) é uma maneira de criar uma identidade do evento nas redes sociais. Você precisa utilizá-la em todos os posts e também estimular que o público a use, para que você encontre as fotos, depoimentos e vídeos do evento para compartilhar no pós-evento. Para criar a hashtag, utilize as seguintes dicas:

  • ela precisa ser curta;
  • não pode ter sido utilizada em nenhuma outra ocasião;
  • deve ser muito fácil de identificar.

3. Invista em novidades

Para que a sua página tenha uma boa interação com o público, invista em novidades. Por exemplo: se foi divulgado um meme novo, faça uma montagem relacionada com o tema do seu evento e publique.
Ou, se há um acontecimento grandioso na sua cidade, faça uma postagem fazendo a analogia com o seu evento, de uma maneira criativa e inovadora. Esses conteúdos virais e divertidos promovem uma boa interação com a marca.

4. Aposte em vídeos

Considerando que o cérebro humano processa muito mais rapidamente os conteúdos audiovisuais ao compará-los com os textos, invista em vídeos — eles estão em alta e são uma tendência nas redes sociais.
Seja muito criativo no modo de interagir com o público ao utilizá-los: vale contar a história da empresa, pedir para os patrocinadores convidarem ao vivo os participantes e produzir vídeos virais relacionados ao tema.

5. Publique depoimentos sobre o evento

Nada mais interessante do que participar de um evento e, mesmo depois de ele ter terminado, ficar conferindo a página da organizadora para ver as fotos e filmagem. Por isso, invista em vídeos e textos (com foto) com depoimentos.

Reúna as principais falas dos palestrantes e colete depoimentos dos participantes para divulgar. Peça a opinião deles sobre as atrações e sobre quais são as suas expectativas para o próximo (isso ajuda na construção de uma análise geral sobre o evento).

6. Compartilhe momentos ao vivo

Faça a cobertura do evento compartilhando momentos ao vivo. Vale mostrar um trecho da palestra, solicitar que uma personalidade que esteja presente faça um convite para as pessoas participarem e até mesmo fazer vídeos com os patrocinadores.

7. Separe uma parte do orçamento para investir em anúncios

Para investir nas redes sociais, é preciso separar uma parte do orçamento que possa ser destinado a anúncios que impulsionem as postagens. Assim, você alcança mais pessoas e o público interage com mais facilidade, porque o seu evento estará em evidência em sua timeline.

Além disso, fica mais fácil criar estratégias para converter os usuários em clientes, ou seja, direcioná-los para o site do evento para que eles possam efetivar a inscrição. Outra possibilidade muito interessante do investimento é poder fazer uma boa segmentação do seu público, direcionando as postagens para pessoas que realmente queiram participar do evento.

Como vimos, utilizar as redes sociais para eventos é uma alternativa não somente para engajar os participantes com a temática, mas também para vender mais inscrições. Invista nessa estratégia e tenha ainda mais sucesso com suas ações!

E aí? Gostou do nosso post? Então, aproveite e assine a nossa newsletter para receber todos os nossos conteúdos diretamente no seu e-mail!

Receba os melhores conteúdos

Assinando a nossa newsletter você tem acesso a materiais e dicas exclusivas sobre vida acadêmica e organização de eventos. Não perca!



DoityTeam

DoityTeam

Somos produtores de conteúdo apaixonados por eventos, vida acadêmica, marketing, vendas, tecnologia e por compartilhar experiências e conhecimento

Artigos Relacionados

Deixe seu comentário

Newsletter

Entre para a nossa lista exclusiva e aprenda com os melhores conteúdos