Marketing e Vendas

8 dicas impecáveis para fazer o marketing de guerrilha em eventos

Escrito por: DoityTeam

O marketing de guerrilha pode ser um verdeiro divisor de águas na organização de eventos. De fato, no universo acadêmico, promover produtos ou serviços de maneira pouco convencional se transforma em sucesso. Esse tipo de ação tem como objetivo atingir o público na veia para destacar seu trabalho no segmento de atuação.

O grande segredo está em conhecer bem o perfil dos participantes, com a intenção de pensar fora da caixinha. Isso mesmo! Fugir do tradicional, no momento da abordagem, faz com que a temática do projeto não saia da cabeça dos participantes ao proporcionar uma atividade positiva em longo prazo.

Quer saber mais? Vamos mostrar 8 dicas impecáveis para acertar em cheio no marketing de guerrilha. Acompanhe:

1. Pense em algo inovador e original

O sucesso do marketing de guerrilha está diretamente ligado a pensar fora da caixinha. Isso porque, se destacar da concorrência no mercado exige uma abordagem específica que muda a forma como o público enxerga o evento. Obviamente, é muito difícil criar algo totalmente do zero, ainda mais com tantas informações espalhadas por aí.

No entanto, buscar inspiração em ideias de sucessos, para adaptá-las de maneira extremamente original, se mostra uma medida eficiente. Tenha em mente que, cópias descaradas queimam a imagem da empresa e acabam não trazendo nenhum tipo de retorno. Ou seja, será um investimento de tempo e dinheiro totalmente perdido. Além disso, descobrir algo inovador na hora de impactar a audiência agrega muito valor à experiência, no contexto geral.

2. Conheça o seu público

De nada adianta ter mil ideias de abordagem, se nenhuma delas atender ao perfil do seu público. O mais importante para alcançar resultados positivos é começar o trabalho com uma pesquisa minuciosa sobre os interesses e as preferências da audiência. Os quesitos de avaliação devem ir desde hábitos de compras até uma visão mais ampla de dados no universo acadêmico.

Dessa forma, fica muito mais fácil entender as brechas deixadas pelos concorrentes no segmento e acertar em cheio nas escolhas durante um evento. O sucesso está em usar esses dados para criar um relacionamento de confiança com os participantes. Só assim, será possível aumentar o engajamento e atingir todos os objetivos iniciais.

3. Aposte em interatividade

A grande aposta de todos os segmentos, hoje em dia, é a interatividade. A audiência está cada vez mais participativa em eventos e, por isso, quanto mais dinâmico for o seu planejamento, melhores serão os resultados. Veja tudo o que cabe no orçamento do projeto e busque aliar criatividade com tecnologia. Nem sempre esses recursos exigem grandes investimentos financeiros, porém, quando usados de acordo com o perfil do público, fazem muita diferença.

O que ajuda a implementar o marketing de guerrilha é saber como executar uma ação e despertar a curiosidade em relação a um produto ou serviços oferecidos. Caso o evento envolva um lançamento, por exemplo, fazer os presentes ingressarem em um ambiente de realidade virtual costuma ter efeito imediato.

4. Surpreenda os participantes

A maioria dos eventos dentro do ambiente acadêmico cumpre uma cartilha engessada na programação. Com isso, o público já chega sem muitas expectativas sobre o que esperar da experiência, no geral. A grande sacada, em uma situação como essa, envolve criar momentos de descontração para aliviar um pouco a carga teórica de conteúdo. Claro que a intenção é sempre agregar conhecimento.

Porém, estimular o engajamento dos participantes fará com que seu trabalho tenha pontos que se destaquem da concorrência. Durante os preparativos, pense em formas de impulsionar o interesse em inscrições, como incluir um show de encerramento, um palestrante surpresa ou até um brinde que seja disputado dentro da temática abordada.

5. Aproveite o espaço do evento

Muitos organizadores acabam perdendo oportunidades únicas por não aproveitarem bem o espaço escolhido para o evento. A partir da estrutura oferecida, se torna mais simples criar uma programação abrangente, capaz de despertar memórias positivas. Uma boa dica, nesse caso, é usar o local como uma espécie de ponto direcionador de todas as outras decisões necessárias. Por exemplo, ao saber a capacidade de lotação, você pode limitar as inscrições ou oferecer atrações adicionais.

Pense na produção de uma ação com marketing de guerrilha como um verdadeiro castelo de cartas. Qualquer peça que estiver fora do lugar pode interferir no sucesso final. Caso a intenção seja elaborar um grande case, verifique se existe espaço suficiente para que o público possa interagir com segurança.

6. Busque parcerias

As parcerias ajudam o trabalho do organizador a apresentar interações muito significativas na visão da audiência. O motivo é que, com a possibilidade de divulgar um serviço em um ambiente repleto de potenciais clientes, qualquer outra empresa se disponibiliza a oferecer materiais que podem tornar a programação muito mais interessante ao fugir da mesmice.

Procure por modelos de negócios conhecidos, no meio acadêmico, por oferecer suporte aos eventos dessa área. Dessa maneira, se torna mais simples criar um projeto completo junto aos serviços que os participantes, certamente, usam com frequência.

7. Acompanhe os resultados

O melhor caminho para avaliar os benefícios do marketing de guerrilha é ter em mãos os resultados oficiais do seu evento. Por isso, ouça o feedback do público com atenção e crie estratégias de relacionamento para próximas atividades na mesma área de atuação.

A partir dos dados, você consegue mensurar o que foi considerado um grande acerto ou o que traz mais retorno no quesito financeiro. Outra questão importante, está em criar métodos de divulgação nas redes sociais. Com isso, a produção pode visualizar os comentários dos participantes, fotos postadas e compartilhamentos.

8. Traga inspirações de sucesso

Os cases de marketing de guerrilha costumam ser muito comentados no segmento. O motivo é que, quando uma empresa consegue fugir do comum, o retorno é grandioso. Tendo isso em mente, não tenha medo de buscar inspirações em projetos de sucesso.

Um dos mais conhecidos é a máquina da Coca-Cola, que foi instalada para engajar os clientes no Dia dos Namorados. Na ação, sempre que um casal se beijava, um refrigerante era oferecido de graça. Outro destaque está na carta enviada pelo Burger King ao Mcdonald’s, para vender um sanduíche em conjunto.

Pronto! Agora você já sabe como fazer o marketing de guerrilha em eventos. O mais importante é trazer ações que se encaixem ao perfil do público, com base no objetivo principal do projeto. Só assim, será possível surpreender na medida certa e ainda agregar muito valor ao serviço da organização.

Esperamos que esse artigo tenha sido útil para você. Confira também o nosso e-book “Design de experiência: como aplicar essa estratégia nos eventos” e descubra como esse método pode ajudar a tornar seus eventos em experiências únicas!

Melhore a experiência do seu cliente!

Baixe nosso e-book e descubra como proporcionar uma experiência marcante para seu cliente.

Baixar e-book
DoityTeam

DoityTeam

Somos produtores de conteúdo apaixonados por eventos, vida acadêmica, marketing, vendas, tecnologia e por compartilhar experiências e conhecimento

Artigos Relacionados

Deixe seu comentário

Newsletter

Entre para a nossa lista exclusiva e aprenda com os melhores conteúdos